A sensação nos espíritos

Ensaio Teórico Sobre A Sensação Nos Espíritos (…) Os sofrimentos deste mundo decorrem, às vezes, de nossa própria vontade. Remontando à origem, veremos que a maioria são conseqüência de causas que poderíamos ter evitado. Quantos males, quantas enfermidades o homem deve apenas aos seus excessos, à sua ambição, às suas paixões, enfim? O homem que…

Partilhe com os seu amigos:
  • Add to favorites
  • email
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • LinkedIn

O Poder do Ridículo

Lendo um jornal, encontramos esta frase proverbial: Na França o ridículo sempre mata. Isto nos sugeriu as seguintes reflexões:  Por que na França, e não em outra parte? É que aqui, mais que em qualquer lugar, o espírito, ao mesmo tempo fino, cáustico e jovial, apreende, antes de tudo, o lado alegre ou ridículo das…

Partilhe com os seu amigos:
  • Add to favorites
  • email
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • LinkedIn

UMA TOMADA DE CONSCIÊNCIA

J. Herculano Pires  O apego ao contingente, ao imediato, apaga na consciência dos nossos dias o senso da responsabilidade espiritual. Nem mesmo a ronda constante da morte consegue arrancar o homem atual da embriaguez do presente. O problema do espírito e da imortalidade só se aviva quando ligado diretamente a questões de interesse pessoal. O…

Partilhe com os seu amigos:
  • Add to favorites
  • email
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • LinkedIn

O HOMEM ANTE A VIDA

No crepúsculo da civilização em que rumamos para a alvorada de novos milênios, o homem que amadureceu o raciocínio supera as fronteiras da inteligência comum e acorda, dentro de si mesmo, com interrogativas que lhe incendeiam o coração. Quem somos? Donde viemos? Onde a estação de nossos destinos? À margem da senda em que jornadeia,…

Partilhe com os seu amigos:
  • Add to favorites
  • email
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • LinkedIn

Soube por alguém quem fui

Soube por alguém quem fui Tantas quantas vidas passei por a terra Em cada vida fui tomando consciência de quem fui. Sempre outra personagem Sempre diferente para poder alcançar cada momento certo. Muitas foram, é verdade. Muitas trouxeram-me alegrias, Muitas sofri! Partilhe com os seu amigos:

Partilhe com os seu amigos:
  • Add to favorites
  • email
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • LinkedIn

A ajuda divina

Chovia torrencialmente. O rio transbordava, as águas invadiam o vilarejo. Aquele crente, que morava sozinho em confortável vivenda multiplicou, orações, pedindo a assistência do Céu. Em dado momento, ante o avanço da enchente, foi para o telhado, confiante de que Deus o salvaria. As águas subindo… Passou um barco recolhendo pessoas ilhadas. – Não é…

Partilhe com os seu amigos:
  • Add to favorites
  • email
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • LinkedIn

A importância de escutar alguém

No início dos idos anos 90, quando ainda cursava faculdade e nem conhecia o Espiritismo, um professor que autodenominava “ateu” – profitente de crença nenhuma – tinha uma forma diferente de leccionar, que me deixou importantes lições de vida – e creio que também a outros colegas que procuraram escutá-lo atentamente, com “ouvidos de ouvri”.…

Partilhe com os seu amigos:
  • Add to favorites
  • email
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • LinkedIn

O poder do pensamento

O Pensamento O pensamento é criador. Assim como o pensamento do Eterno projeta sem cessar no espaço os germens dos seres e dos mundos, assim também o do escritor, do orador, do poeta, do artista, faz brotar incessante florescência de idéias, de obras, de concepções, que vão influenciar, impressionar para o bem ou para o…

Partilhe com os seu amigos:
  • Add to favorites
  • email
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • LinkedIn

A jovem na entrada em Jerusalém

O episódio da entrada de Jesus na cidade de Jerusalém pode ser encontrada em Mateus: 21; 1-11, Marcos: 11; 1-10 e Lucas: 19; 29-38. O ambiente que o acolhe, porém, era particular sendo que, se dúvidas existissem das narrativas dos evangelhos canónicos, Amélia Rodrigues esclarece que estávamos nos “… últimos dias antes da Páscoa. O mês…

Partilhe com os seu amigos:
  • Add to favorites
  • email
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Orkut
  • LinkedIn